tipos-de-dor-de-cabeça
Share

A maioria das pessoas já teve algum tipo de dor de cabeça em algum momento da vida.1 Mas será que existe diferença entre cefaleia, dor de cabeça e enxaqueca?

Dor de cabeça é a forma popular como a cefaleia é conhecida, ou seja, são a mesma coisa.2 Portanto, cefaleia, assim como dor de cabeça, nada mais é que um desconforto ou dor localizada na região cefálica.1

Existem muitos tipos de cefaleia, atualmente mais de 150, mas etiologicamente, elas podem ser divididas em duas classes, primária ou secundária:3

  • Cefaleia primária não tem sua causa conhecida, ou seja, não pode ser explicada através de exames clínicos ou laboratoriais.1,3
  • Cefaleia secundária acontece em consequência de outro estado patológico e, por isso, costuma ser um sintoma e ter uma causa que deve ser investigada.4 Entre as causas associadas podem estar uma lesão na cabeça, um acidente vascular cerebral, o uso indevido de substâncias e /ou a sua retirada (incluindo álcool), infecção, perturbações do pescoço, olhos, nariz, seios da face ou dentes.1,3 Essas dores de cabeça também podem variar muito em sua duração. Uma dor de cabeça de ressaca, por exemplo, costuma durar poucas horas e as dores de cabeça associadas a uma doença infecciosa melhoram quando a doença acaba.1

A enxaqueca é um dos tipos de cefaleia primária, portanto não tem causa conhecida.1,5 A localização da dor normalmente é de um lado da cabeça, costuma ser latejante e vir acompanhada de outros sintomas, como náuseas, vômitos, sensibilidade à luz e a ruídos.1,6 A enxaqueca pode durar de 3 horas até 3 dias, e apesar de não haver uma causa específica, certos fatores podem estar envolvidos no desencadeamento de uma crise de enxaqueca.1

Se você tiver dores de cabeça regulares, é importante consultar seu médico e obter um diagnóstico adequado.1 Uma dor de cabeça pode ser o resultado de uma variedade de fatores, como lesões na cabeça, infecções e outras condições médicas.1 Identificar o tipo de dor de cabeça que você tem pode fazer com que você tenha o tipo certo de tratamento e uma melhor qualidade de vida.1


Referências

1. The Migraine Trust. Headache. Disponível em: https://www.migrainetrust.org/about-migraine/types-of-migraine/other-headache-disorders/headache/ Acesso em abril de 2018.
2. 2. Una-SUS – Universidade Aberta do SUS. Cefaleia: eventos agudos na atenção básica. Disponível em: https://ares.unasus.gov.br/acervo/handle/ARES/806 Acesso em abril de 2018.
3. Ministério da Saúde. Acolhimento à demanda espontânea -Queixas mais comuns na Atenção Básica. Disponível em: http://www.saude.sp.gov.br/resources/humanizacao/biblioteca/documentos-norteadores/cadernos_de_atencao_basica_-_volume_ii.pdf Acesso em abril de 2018.
4. Influências da Cefaleia no Cotidiano de Estudantes Universitários. Disponível em: http://www.revistas.unifacs.br/index.php/sepa/article/download/4379/3045 Acesso em abril de 2018.
5. The Migraine Trust. More than “just a headache.” Disponível em: https://www.migrainetrust.org/about-migraine/migraine-what-is-it/more-than-just-a-headache/ Acesso em abril de 2018.
6. Biblioteca virtual em Saúde do Ministério da Saúde. Cefaleia/Enxaqueca. Disponível em: http://bvsms.saude.gov.br/bvs/dicas/56cefaleia.html Acesso em abril de 2018.

Share