3-7-relacao-entre-ansiedade- depressao-e-enxaqueca

A enxaqueca é uma doença que pode impactar o rendimento do trabalho e prejudicar os relacionamentos. Este impacto na vida pessoal e profissional naturalmente pode levar pessoas com enxaqueca a ficarem tristes ou deprimidas, antes, durante e depois de uma crise.1

O fato de não saber quando, nem em que condições, ocorrerá a próxima crise, e não ter ideia de como ela poderá afetar suas responsabilidades profissionais e familiares, também é motivo de ansiedade.1

Não à toa médicos e pesquisadores estabelecem uma ligação entre ansiedade, depressão e enxaqueca, além de outros transtornos mentais, como ataques de pânico e transtorno bipolar.2

Saiba por que cada paciente manifesta um tipo de sintoma e precisa de um tratamento diferente

Além dos aspectos hormonais, ambientais, alimentares, do sono e psicológicos, a enxaqueca possui também aspectos genéticos. Por isso, os sintomas podem acontecer e se manifestar de forma diferente em cada indivíduo, e às vezes dentro da mesma família.3

O diagnóstico médico, a prescrição de medicamentos adequados para cada caso, além de outras orientações que levem em conta mudanças na sua rotina, como a prática de exercícios e meditação, são as melhores formas de combater a doença e, assim, diminuir a ansiedade, a depressão e outros transtornos causados pela enxaqueca.4


Referências

1. American Migraine Foundation. Depression and Migraine. Disponível em: https://americanmigrainefoundation.org/understanding-migraine/depression-and-migraine/ Acesso em outubro de 2019.
2. Migraine.com. Migraine and Depression. Disponível em: https://migraine.com/living-with-migraine/migraine-and-depression/ Acesso em outubro de 2019.
3. Mario Fernando Prieto Peres, Juliane P. P. Mercante, at al. Anxiety and depression symptoms and migraine: a symptom-based approach research. J Headache Pain. 2017; 18(1): 37. Published online 2017 Mar 21. doi: 10.1186/s10194-017-0742-1.
4. American Migraine Foudation. Depression and migraine. Disponível em: https://americanmigrainefoundation.org/resource-library/understanding-migrainedepression-and-migraine/ Acesso em outubro de 2019.